PARVOVIROSE

A Parvovirose é uma doença bastante perigosa para os cães mais jovens. Foi descoberta a pouco tempo – na Austrália em 1978 – e é provocada por um vírus da família Parvoviridae.

O vírus se desenvolve no intestino dos cães infetados e é liberado em grandes quantidades nas fezes e se alojam no chão, que é por onde acontece sua contaminação. O Parvoviridae é um vírus muito resistente, capaz de sobreviver durante meses no solo.

O desenvolvimento da doença acontece em até 15 dias após a contaminação, sendo os primeiros sintomas a febre e a perda o apetite. Em seguida vem os vômitos e a diarreia, que apresenta aumento na quantidade de sangue a cada evacuação. A Parvovirose apresenta sintomas que evoluem muito rapidamente, apresentando alta taxa de mortalidade. Por isso, ao perceber qualquer destes sintomas, procure imediatamente o Médico Veterinário.

Ainda não existe medicamento capaz de combater diretamente o vírus da Parvovirose. Desta forma, o tratamento é sintomático. A desidratação provocada pela diarreia é tratada com soro e medicação adicional para diminuir os vômitos.

Em função do enfraquecimento causado na parede intestinal, as bactérias normais do intestino podem chegar ao sangue, provocando septicemia, obrigando o uso de antibióticos.

O sucesso no tratamento a Parvovirose depende bastante do sistema imunológico do cão. Por isso, os cães mais jovens costumam ser as principais vítimas do vírus, uma vez que seu sistema imunológico é mais fragilizado.

A principal forma de prevenção à Parvovirose é a vacinação. Para proteger os filhotes durante os primeiros meses, geralmente é feito um reforço de vacinação às cadelas prenhes. Também é recomendado que o cão não seja a locais propícios à contaminação antes da vacinação.

A Parvovirose é uma doença que pode levar seu cão a óbito, por isso, ao perceber qualquer sintoma citado acima, procure imediatamente o Médico Veterinário de sua confiança.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *